Brenda Ligia-Cinema,TV,Teatro

Minha foto
Brenda Ligia: prêmio de Melhor Atriz no festival Cine PE 2017 (Mostra Curtas PE). Estreias em 2017: “Onde Quer Que Você Esteja” (longa da Macondo Filmes/SP); “Causa Mortis” (curta da LRJ Filmes/PE), “Sob Pressão” (série da Rede Globo/ direção: Andrucha Waddington) e “África da Sorte” (série da TV Brasil/direção: Renata Pinheiro). Brenda está nos longas "Todas as Cores da Noite" (Pedro Severien), "As Melhores Coisas do Mundo" (Laís Bodanzky), "Sangue Azul" (Lírio Ferreira), "Bruna Surfistinha" (Marcus Baldini). Atuou nas séries de televisão "A Mulher do Prefeito" (Rede Globo), "Beleza S/A" (GNT), "9mm SP" (Fox), "Somos Um Só" (TV Cultura). Também é apresentadora e videomaker. Protagonizou comerciais e videoclipes musicais. Estudou no Teatro Escola Macunaíma/SP; atuou em comédias, musicais, infantis e dramas. Foi dirigida por Wagner Moura na leitura dramática do espetáculo “Tchau, Querida!”. É formada em Comunicação Social pela Faculdade Oswaldo Cruz/SP, cursou Ciências Sociais na University of the West Indies (Trinidad & Tobago, Caribe) e Francês em Vevey (Suíça). CONTATO: brenda.ligia@hotmail.com

27 de dezembro de 2012

Bolhas e Dúvidas

Era dezembro e fazia sol na ilha tropical. Borboletas ventavam no estômago da mulher, que, sem pensar, pulou. Com tudo, se jogou. Pesada, afundou.
 
Primeiro, os pés. Pouco seguros.
 
Daí, o corpo. Com a alma toda lá dentro, jorrando líquida, quase eufórica.
 
Por fim, a cabeça. Sempre gorda, faminta de vontades e medos, ela pensa, pensa...
 
Eu, surto. Ela, Mente.
 
Respirei ar seco, bolhas e dúvidas. A luz superior ofuscou minha falsa coragem. Então, enxerguei as algas todas, leves, dançando uma valsa úmida ao balanço das águas do fundo do mar... bonito espetáculo!
Meu quase-livre-arbítrio sorriu. O peixe das cores mais belas do mundo também. Os corais eram núcleos de poesia. Tartarugas majestosas desfilavam sua pompa. Encanto, pureza e magia.
 
Quando notei que naquele mundo azul reinava a harmonia suprema, me senti tão grata e viva que até me afoguei em paz. Aí sim, valeu.

Por Lenda Brígia (2012/ 2013)
 

Brenda Ligia durante o mergulho
Fernando de Noronha/ Brasil
Depois do mergulho
Equipe/ Atlantis
Antes do mergulho
 




 




Que venha 2013!

Foto: Marcelo Pinheiro
Rio Capibaribe/ Recife
Agradeço pela oportunidade e sorte de comemorar mais um final de ano com minha família saudável e feliz! E que venha 2013, cheio de coisas boas pra todos nós... amém!
 
 
A família quase completa

Sobrinhos e titia
Praia dos Carneiros/ PE

18 de dezembro de 2012

11 de dezembro de 2012

Êxtase

Brenda Ligia na praia do Leão/ Fernando de Noronha
Foto: Laura Ramos
Nossa última tarde, com gosto de despedida e mágica, foi praia deserta e selvagem. O sol grelhando, morninho, meus dedos enrugados pelo mar. Entre frases e risos, nosso silêncio nada vazio, sussurrando vento e maré.
Uma dormiu: sonhou, virou sereia. A outra, desperta, sentiu-se tão fortunosa que agachou aos pés do vulcão e começou a cavar, cavar. Espanou com os pés a pasta mole; com as mãos, gigantes.
E fez um castelo de areia, como antigamente. Desses que mar nenhum consegue varrer da lembrança... por Lenda Brígia.
Laura Ramos e Brenda Ligia
atrizes de "Sangue Azul"

Pico











 

"É preciso saber se o que te alegra é frio ou calor,
ou cachoeira ou mar, ou andar com o vento no rosto,
 a pé ou de bicicleta.
Se salgado, doce, amargo,
solidão ou gente, e, se gente, de que modo.

É preciso aprender o que incentiva e o que retrai.
O que expande e o que multiplica.
O que diminui, o que descansa e o que acrescenta.
O que excita e o que provoca sono pesado.
O que é fardo, o que é tolo, o que instiga.
E o que permite ÊXTASE".
-por Viviane Mosé

*************************************
Fim das filmagens de "Sangue Azul"
Direção: Lirio Ferreira, cineasta da melhor qualidade
Drama Filmes (SP)
Aguardemos estreia nos cinemas. Um filme sobre o mar, o circo, o amor ♥...



10 de dezembro de 2012

Filmando "Sangue Azul" em Fernando de Noronha

Brenda Ligia e Daniel de Oliveira
(Jandira e Zolah)
 
Matheus Nachtergaele e Brenda Ligia
(Gaëtan e Jandira)







Entrevista- atriz Brenda Ligia fala ao Jornal da Ilha (TV Golfinho)




Milhem Cortaz (Jesus/ Inox) sendo crucificado
Brenda Ligia é Maria Madalena (Jandira)
Sangue Azul, de Lírio Ferreira
Drama Filmes/ SP




29 de novembro de 2012

Trabalhando na ilha

Sangue Azul, de Lírio Ferreira
Atriz Brenda Ligia
O elenco de "Sangue Azul" (longa-metragem de Lírio Ferreira) conta com mais de vinte atores, cerca de 700 figurantes locais e mais de 40 técnicos que também fazem parte da produção. O enredo do longa-metragem, que é um drama, conta a história do retorno de Zolah (Daniel de Oliveira) e do circo à ilha de Fernando de Noronha depois de 20 anos. Estreia nos cinemas em 2013.
Brenda Ligia no Porto/ Noronha

Brenda Ligia na Cacimba do Padre/ Noronha


Comercial novo - no ar

 
Atriz Brenda Ligia

 
"Denuncie. Você não está sozinha".

Campanha de combate à violência contra a mulher (governo PB).

Atriz: Brenda Ligia

Direção: Mirian Ribeiro

Takes Comunicação
 
Comercial: http://youtu.be/FeyOkPV2Q3Q



18 de novembro de 2012

Elenco do filme "Sangue Azul"

Elenco do filme "Sangue Azul", de Lírio Ferreira: Daniel de Oliveira, Caroline Abras, Glicério Rosário, Rômulo Braga, Armando Babaioff, Sandra Corveloni, Ruy Guerra, Brenda Ligia, Paulo César Peréio, Laura Ramos, Matheus Nachtergaele, Milhem Cortaz, Servílio de Holanda, Lívia Falcão, Cristiane Tricerri. 


Daniel de Oliveira (Zolah) e Brenda Ligia (Jandira)
em filmagem de "Sangue Azul", em Noronha


Drama Filmes (SP) / ESTAMOS TODOS FILMANDO EM FERNANDO DE NORONHA, até dezembro.
Elenco de Sangue Azul

Brenda Ligia em
Fernando de Noronha
 

7 de novembro de 2012

Sangue Azul

Me despeço temporariamente da internet, amigos: tô indo filmar em Fernando de Noronha (nov/ dez)! Estou no elenco do longa "Sangue Azul", do grande Lírio Ferreira, que tem Daniel de Oliveira, Matheus Nachtergaele, Sandra Corveloni, Milhem Cortaz... Brenda Ligia! Será que eu tô feliz?!
Embarco nessa aventura cinematográfica intuindo que a energia dos envolvidos neste trabalho único, sob influência da beleza sem igual do cenário-espetáculo da ilha, venha fecundar inspiração no trabalho de cada um de nós à altura deste roteiro belíssimo e profundo, que fala sobre o mar, o circo, e a impossibilidade de amar... 
 
Lirio, tão bom trabalharmos juntos novamente! Agradeço, de ♥, pela oportunidade de fazer cinema nesse time top e aprender com essas feras. Que venha a Jandira

 "SANGUE AZUL" estreia em 2013, num cinema perto de você. Muito obrigada.
 
Brenda Ligia vive Jandira no longa "Sangue Azul", de Lírio Ferreira
(estreia nos cinemas em 2013)
 

5 de novembro de 2012

Comercial forte

Gravação no estúdio/ Takes Comunicação
Gravei um comercial muito forte, sobre violência contra a mulher. No filme, eu dei um depoimento que devia soar verídico, portanto, tive que acessar compartimentos que são inevitavelmente dolorosos pro ator, embora seja algo racional. Gostei muito deste trabalho! Mais um na lata, valeu.
 

Boa notícia: TEATRO em 2013

Brenda Ligia no espetáculo musical "Sonhos de uma Vedete"
representando Salomé Parísio (em SP)
Boa notícia pra começar 2013 com o pé direito: vou voltar aos palcos! Nosso projeto de teatro foi aprovado, e, com patrocínio de 100 mil reais do governo, iremos montar o espetáculo "As Confrarias" (Cia Teatro de Seraphim). Que honra ter sido convidada pela dama do teatro pernambucano, Lúcia Machado, sob a impecável direção do competente Antonio Edson Cadengue... não poderia ser melhor! Tô feliz da vida, na torcida pra que dê tudo certo. Um imenso salve ao teatro, que é onde tudo começa... ♥
 

Brenda Ligia, Hermila Guedes e Brunno de Lavor
Oficina do Théâtre du Soleil (Paris), ministrada no Recife

3 de novembro de 2012

Sábado de sol E trabalho

Tive um sábado de trabalho agradável, gravando filme pra Vivo na Center Produções, aqui no Recife. Foi ótimo, valeu!
Brenda Ligia grava filme pra Vivo
Direção: Alexandre Alencar (Center Prod.)

Apresentador Thiago França, figurinista Chris Garrido
e atriz Brenda Ligia, no estúdio da Center

Recife

2 de novembro de 2012

Minha janela

minhas plantas
Desde que adquiri o hábito de falar com as plantas, minha jibóia cresceu, as fitônias levantaram, e os botões todos desabrocharam.

1 de novembro de 2012

Maracatu de Tiro Certeiro

Urubuservando baú de marido, encontrei esta foto com um dos maiores artistas que já existiu na música brasileira. Foi na gravação do clipe "Maracatu de Tiro Certeiro", de Chico Science & Nação Zumbi.
Quando Chico Science morreu no acidente de carro, era fevereiro e eu me preparava pro meu aniversário em SP. Uma data triste, fria, sem bolo nem vela. Uma afrociberdelia chorosa entre meus amigos de faculdade. O mundo perdeu.
Fred Zero Quatro (Mundo Livre S.A.), Marcelo Pinheiro
e Chico Science, com equipe
"Tem gente que é como o barro
Que ao toque de uma se quebra
Outros não!
Ainda conseguem abrir os olhos
e no outro dia assistir tv"
Chico Science e Nação Zumbi

23 de outubro de 2012

Fazendo cinema

No set de filmagem- estúdio da TV Universitária
Do momento em que a diretora me convidou pra fazer um teste pro seu próximo longa até o instante do “ação” no set de filmagem, muito aconteceu aqui, de dentro para fora, pra que nascesse essa personagem que me foi dada como presente inesquecível: A Pastora. Uma delícia!

Na fase inicial da pesquisa, passei a frequentar a Assembléia de Deus de Boa Viagem. Amigos bebiam no bar, e eu orava no culto de libertação, às quintas-feiras. De saia nas canelas e óculos de grau, tentava não chamar atenção na igreja, enquanto internalizava tudo: a percepção, os detalhes, o olhar do outro, a crença.
Primeiro, comprei a Bíblia Sagrada com letras gigantes por R$39,90, no Extra. Comecei a ler para o trabalho, e agora continuo fazendo para a vida; gostei. Minhas madrugadas passaram a ter companhia dos pastores que apresentam programas na TV; coisa que sempre gostei de assistir, confesso. No meu fone de ouvido, tocava o sermão da Pastora Gisele, da Bispa Edinalva, da Irmã Maria Lúcia... aprendi expressões em aramaico que surtem forte impacto numa ministração. Kadosh Adonai Echad Melek Al-Ilah.
Foram horas, dias, semanas de prática... às vezes, disciplinada. Outras, preguiçosa. Muitas na frente do espelho, tantas na web cam, e algumas só no pensamento, mesmo.  Me sentia bem preparada pro teste quando chegou o dia: e consegui converter a produtora de elenco. Passei. E isso era só o começo.
Nova instrução da direção: minha Pastora não deveria ter fé. Era uma vaidosa, bipolar. Novo ensaio, novo elemento: ela tampouco faria referências à Bíblia, a Deus, Jesus, Aleluia... nada disso. Claro que nada seria tão óbvio... e achei ótimo esse desafio do “algo a mais”, que dá riqueza ao personagem. Quando é fácil não tem graça...
Aí sim, comecei a ensaiar com mais afinco. Eram treinos solitários, com muita loucura e experimentação, para, talvez, ter conseguido chegar a algum lugar interessante.
Camarim lotado 
Agora resta a expectativa, a espera, o tempo certo pro filho ficar pronto e poder ser contemplado. E as pessoas todas dessa produção seguem eternizadas em cada sorriso que floresce do peito e transborda benquerência, matéria e estampido. Assim dá gosto trabalhar... com essa equipe que faz tudo de verdade, com vontade de tornar o sonho real, cheio de luz, cor e arte nessa realidade inventada. 
bastidores da cena
“Mas quem pode livrar-se porventura
dos laços que o amor arma brandamente” (Camões)


18 de outubro de 2012

Papo de Salão



PAPO DE SALÃO
-Por que tu não alisa de vez, Brenda?
-Porque só preciso pra amanhã.
-Ôxe! E é, é?
-É. Vou fazer um filme e meu personagem tem cabelo liso.
-E esse filme vai passar onde? 
-Nos cinemas.
-Ah... (duvida com força)
Permanecemos caladas pelos próximos 64 minutos de escova e prancha.

17 de outubro de 2012

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

Resultado do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro: melhor atriz de cinema de 2012 é Deborah Secco! E a melhor atriz coadjuvante é Drica Moraes! Ambas pelo nosso filme! Quanta alegria... e orgulho dessas 2... meninas: vocês merecem o mundo! Pela entrega, pela pesquisa, pela generosidade... um enorme prazer fazer parte dessa verdade inventada de Bruna Surfistinha - O Filme, que mudou para sempre nossa forma de atuar. Vamos levar pra vida e pra arte.  
Drica Moraes, Deborah Secco e Brenda Ligia
em cena de Bruna Surfistinha
Ê, Sergio Penna! DÉ e DRICA: parabéns, amigas... sou fã! Quebrem tudo sempre, na telinha ou na telona! Amo vocês!
"Que ninguém se engane, só se consegue a simplicidade através de muito trabalho."- Clarice Lispector

12 de outubro de 2012

O vilarejo do peixe vermelho

Vovó Brenda... eu ainda chego lá!
Quando um homem nasce, vem com ele um peixe vermelho. Podemos senti-lo pelo pulso. Suas guelras respiram sangue, vida pelas barbatanas. Dentro de cada um de nós (ilhas), reside um peixe vermelho.
Agora, olhando a pessoa a seu lado, dá pra ver os olhos do peixe olhando através da janela (olhos humanos). Num estádio, os peixes de todos estão prestes a sair pela garganta.
Entre cada peixe, tem um oceano que nos separa. Essa travessia invisível, só quem faz é o peixe vermelho. É o amor.
-Vilarejo do Peixe Vermelho, de Anderson Anibal (MG)

8 de outubro de 2012

Ficção ou realidade

Como é mágico este ofício de se prestar a estudar a ficção de modo a torná-la real; a experimentação é realmente o melhor dos laboratórios. A cada mergulho, a cada ensaio da cena, me apaixono mais e mais pela personagem. Não tem preço... é muito bom! 
Ensaio 


Apresentadora Brenda Ligia


Brenda Ligia (apresentadora) e equipe da 485 Filmes
Quando algum trabalho chega ao fim, fica a sensação gostosa de missão cumprida misturada à saudade precoce do que um dia "terá sido". Projetos, programas, equipes, campanhas vem e vão de acordo com as ondas profissionais de cada um, porém, o lugar especial que cabe a cada pessoa com quem nos relacionamos, estabelecendo vínculos afetivos a partir do profissional, este fica sempre cativo, na gaveta das boas lembranças. E muitas vezes isso basta pra florir um enorme sorriso no peito... 485 Filmes, VALEU! 
no ar
César Pezzuoli, Brenda Ligia e Carlos Nigro
Diretor de fotografia Christian Perez

na firma

Sucesso na estreia de "Farpa"

Brenda Ligia vivendo a personagem Maria
Infelizmente não pude estar presente (fisicamente!) na nossa estreia no cinema (Cine Sesi). O filme "Farpa", de Henrique Oliveira (Panan Filmes), teve uma sessão de exibição que foi um sucesso, lotada, com ingressos esgotados. Feliz da vida por fazer parte desse cinema alagoano!
Foi um grande presente viver a personagem Maria neste filme forte, que trata de temas muito polêmicos, duros, tabus. Maria carrega a carga de uma geração de mulheres que gera filhas mortas, por vários tipos de castração (sexual, física, psicológica, etc). Foi um trabalho profundo, mergulho que mexeu bastante comigo, aqui dentro. Sensacional. Obrigada a todos!
capa do filme Farpa

Set de Farpa
Maria, o marido e o vazio. Solidão.





2 de outubro de 2012

Estreia do filme FARPA

ESTREIA NO CINEMA: Farpa (Panan Filmes). Com: Brenda Ligia, Tamylka Viana, Carol Teles.
 -Berenice usa a filhinha de colo para pedir dinheiro no semáforo. Maria Flor mudou-se para a cidade grande e acaba como prostituta. Eudócia dá à luz um filho fruto de uma relação incestuosa com o próprio pai. Farpa narra a história de uma geração de mulheres de uma mesma família que geram filhas mortas. Seja por castração sexual, psicológica ou econômica essas mulheres se tornam vítimas da feminilidade/ sexualidade inerente a elas.
Saiba MAIS em: http://graciliano.tudonahora.com.br/2012/06/22/um-filme-para-arriete/#comment-55

Estreia dia 05 de outubro de 2012
Cine Sesi, 19h
Maceió/ AL.